19/04/2023 às 10h59min - Atualizada em 19/04/2023 às 10h59min

Tiktoker conhecido por vídeos com capivara é multado e obrigado a entregar animal

O tiktoker é conhecido por mostrar o cotidiano da fazenda na qual mora, em Autazes, no interior do Amazonas

Redação
Foto: Reprodução/ redes sociais

Agenor Tupinambá, fazendeiro conhecido por compartilhar momentos de carinho com animais em suas redes sociais, foi denunciado pelo Ibama nesta terça-feira (18) por suspeita de maus-tratos, abuso e exploração animal. A denúncia resultou em uma multa de R$ 17 mil para Tupinambá.

O tiktoker mostrava o cotidiano da fazenda na qual mora, em Autazes, no interior do Amazonas, e contava com a participação especial da capivara Filó, que fazia sucesso com os seguidores. Tupinambá compartilhava momentos de cuidado e carinho com os animais.

Em nota divulgada em seu perfil no Instagram, Tupinambá lamentou as acusações e relatou sua relação de carinho com os animais. "Eu cresci no meio do mato e lá nasceu a minha paixão pelos animais. Eu só saio de lá para estudar agronomia na capital, curso que escolhi para poder servi-los ainda mais", afirmou.

O fazendeiro também falou sobre uma acusação de suposto assassinato de um animal, sem dar mais informações sobre o caso. Na nota, Tupinambá afirmou que foi notificado para apagar todas as publicações que envolviam os animais e que terá de entregar a capivara Filó a um centro de tratamento animal, sob a acusação de retirá-la do habitat natural.

"Se tem alguém que mora no habitat natural de alguém sou eu, não os animais", afirmou Tupinambá em sua nota. As postagens com Filó e outros animais já foram apagadas dos perfis de Agenor. Nos comentários, seguidores apoiam o fazendeiro e pedem para o Ibama desistir da ação.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas