21/02/2024 às 12h56min - Atualizada em 21/02/2024 às 12h56min

Pedido de impeachment contra o prefeito Gustavo Nunes é rejeitado por vereadores

Membros da Câmara Municipal entenderam que a denúncia apresentada pelo vereador Fernando Ratzke é infundada

Redação
Foto: divulgação/ PMI

Na tarde desta terça-feira (20), o plenário da Câmara Municipal de Ipatinga votou pela rejeição de mais uma denúncia protocolada contra o prefeito Gustavo Nunes solicitando a cassação do seu mandato. A grande maioria dos vereadores rejeitou o pedido de impeachment apresentado pelo vereador Fernando Ratzke, compreendendo ser infundadas as alegações apresentadas em sua denúncia contra o chefe do Executivo.

Participaram da 644ª Reunião Ordinária 18 vereadores. Ao todo, 16 membros do legislativo votaram, sendo que 12 deles optaram pela rejeição e apenas quatro pelo acolhimento da denúncia.

O vereador Adiel Oliveira, líder de governo na Câmara, lamentou a falta de credibilidade da denúncia durante sua fala no plenário. “Estamos aqui, hoje, julgando uma coisa que nem deveria ter andado aqui nessa ‘casa’, porque é tão infundada. A denúncia não merece a mínima credibilidade. Temos uma cidade bem administrada”, asseverou.

O prefeito Gustavo Nunes comentou a decisão dos vereadores: “Em mais uma tentativa de desestabilizar o governo, o vereador Fernando Ratzke, que tem se apresentado como pré-candidato à prefeitura da cidade nas eleições deste ano, protocolou mais uma vez uma denúncia infundada na Câmara Municipal de Ipatinga, que acabou sendo derrubada pelos membros da Câmara Municipal”, desabafou.

O chefe do Executivo reafirmou "o compromisso desta gestão em continuar focada no desenvolvimento da nossa cidade, independentemente das manobras políticas que surgirem”.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas