31/08/2023 às 10h19min - Atualizada em 31/08/2023 às 10h19min

Aeroporto de Valadares e do Vale do Aço serão beneficiados com novo PAC do governo federal

Deputada Federal Rosângela Reis anuncia avanços cruciais em reunião com autoridades da aviação civil em Brasília.

Redação
Foto: Reprodução

O Ministério de Portos e Aeroportos divulgou os detalhes do novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que visa impulsionar o desenvolvimento da infraestrutura aeroportuária em todo o Brasil. Uma das novidades é a inclusão do Aeroporto Coronel Altino Machado, em Governador Valadares, e do Aeroporto Regional do Vale do Aço, em Santana do Paraíso, no rol de beneficiários desses investimentos.

A terceira edição do PAC, que prevê um total de R$ 371 bilhões em investimentos públicos em infraestrutura nos próximos anos, destinará recursos substanciais para a modernização e expansão dos aeroportos do país. De acordo com o Ministério, a alocação específica para os aeroportos soma R$ 10,2 bilhões, destinados a melhorias nas instalações, pistas, terminais e equipamentos de solo.

Atualmente, o Aeroporto Coronel Altino Machado, localizado em Governador Valadares, encontra-se com suas obras paralisadas devido à desistência da empresa contratada pela Prefeitura. Contudo, o novo PAC traz esperança para o reinício dessas atividades. O projeto de reforma do terminal, considerando as etapas já parcialmente executadas, está em processo de elaboração. As obras têm previsão para serem retomadas em 2024, com conclusão estimada para o quarto trimestre do mesmo ano. Além disso, o programa tem como objetivo fundamental elevar a capacidade dos aeroportos brasileiros, garantindo níveis de serviço adequados para atender à crescente demanda da população.

Segundo o governo, nos próximos quatro anos (2023 a 2026), serão investidos R$ 7,2 bilhões nos aeroportos em todo o país, visando aprimorar a infraestrutura e os serviços oferecidos aos passageiros. Após 2026, os investimentos continuarão, com uma quantia adicional de R$ 3 bilhões reservados para assegurar a contínua expansão e modernização dos aeroportos nacionais.

Aeroporto Vale do Aço 

Em uma reunião crucial ocorrida hoje em Brasília, a deputada Federal Rosângela Reis anunciou avanços significativos para o Aeroporto Regional do Vale do Aço. A parlamentar se encontrou com o diretor do Departamento de Outorgas da Secretaria de Aviação Civil, Rafael Pereira Sherre, e o coordenador-geral, Jonh Weber Rocha, para discutir o futuro promissor do aeroporto.

A deputada Rosângela Reis, que tem sido uma defensora incansável do desenvolvimento do Vale do Aço, expressou sua alegria e otimismo em relação a essas notícias positivas. Ela destacou que esse investimento é um marco importante para a região e um testemunho do compromisso do governo federal em promover o crescimento e a infraestrutura no estado de Minas Gerais.

“O Aeroporto Regional do Vale do Aço está prestes a decolar para um futuro brilhante, com instalações modernas e melhores serviços para atender às necessidades crescentes dos passageiros”, disse.


O governo federal se comprometeu a alocar cerca de 40 milhões de reais por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para a construção do tão aguardado novo terminal de passageiros. As obras estão programadas para começar já no próximo ano, em 2024. Este investimento maciço transformará o Aeroporto Regional do Vale do Aço em uma referência no estado de Minas Gerais e consolidará sua importância para a aviação regional.


Foto: Divulgação/ Assessoria Rosângela Reis 


Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas