18/08/2023 às 17h18min - Atualizada em 18/08/2023 às 17h18min

Sindicato cobra melhorias para trabalhadores da Cenibra

Em resposta, a empresa se colocou à disposição para ouvir e melhorar os pontos apresentados

Redação
Foto: Cenibra

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração Vegetal, Carvoejamento Reflorestamento e Similares (Sindex-MG) e a Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Extrativas do Estado de Minas Gerais (FTIEMG) enviou ao Vale 24 Horas uma cobrança que estão fazendo junto a Cenibra sobre condições de trabalho..

Conforme o sindicato, no dia 8, a Cenibra registrou a morte de um trabalhador durante um combate a incêndio florestal em Ipaba. José Maria Soares, que preside ambas as entidades sindicais, não poupou palavras: "Continuaremos a luta para que essas empresas reformulem suas práticas, que estão evidente e perigosamente colocando vidas em risco".

As entidades exigem mudanças concretas, como o estabelecimento de rotas de fuga em áreas de plantio de eucalipto e treinamentos mais aprofundados para as equipes. Ainda de acordo com as informações, o Ministério Público do Trabalho já foi acionado sobre o assunto e a Superintendência Regional do Trabalho visitou o local do acidente da Cenibra para uma avaliação detalhada.

Os perigos não param nos acidentes fatais. Muitos outros incidentes deixam sequelas duradouras nos trabalhadores. Além disso, a luta sindical também aponta para melhores condições de alimentação e jornadas de trabalho menos exaustivas, que têm um impacto direto na saúde mental dos trabalhadores.

O Vale 24 Horas entrou em contato com a Cenibra que, em resposta, disse que “estão comprometidas com a segurança e bem-estar de seus colaboradores”. Na nota, a empresa ainda destacou que, durante este ano, a Cenibra vem tentando melhorar e capacitar os profissionais.

As ocorrências de 2023 nos desafiam a revisitar processos e procedimentos. Estamos fazendo isso e ainda realizando simulados de emergência. Cada acidente ocorrido segue o rito necessário para apuração e providências. Estamos aprimorando nossas práticas e assimilando o aprendizado a fim de compreender as circunstâncias que ocasionaram as tragédias e tomar as medidas necessárias para evitar que situações semelhantes ocorram no futuro.
 

Ainda conforme os detalhes da nota, a empresa se colocou à disposição para conversar com as entidades e resolver as demandas apresentadas.

Nesse sentido, reconhecemos a importância das demandas apresentadas pelas entidades sindicais e estamos dispostos a dialogar e colaborar na busca por soluções que aprimorem as condições de saúde, segurança e bem-estar dos trabalhadores.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas