04/08/2023 às 14h03min - Atualizada em 04/08/2023 às 14h03min

Polícia Civil investiga caso de abuso sexual envolvendo motorista de van escolar

O suposto caso aconteceu em Santana do Paraiso na região do Vale do Aço.

Redação
Foto: Reprodução

A Polícia Civil está investigando um suposto caso de abuso sexual envolvendo o motorista de uma van escolar. O caso veio à tona após os pais de duas meninas de 7 anos de idade procurarem a Polícia Militar (PM) ao perceberem uma mudança no comportamento das crianças, que passaram a se recusar a ir para a escola.

Desconfiados, os pais questionaram as meninas sobre o motivo do medo e relutância em frequentar a escola. As crianças relataram o suposto abuso, alegando que o motorista as levou para uma área de mata, que chamaram de "floresta", onde as beijou e tocou em partes íntimas. Além disso, as meninas disseram que ele as colocou no colo.

Diante das graves acusações, a Polícia Militar conduziu o suspeito à delegacia na última quarta-feira (2) para prestar esclarecimentos. No entanto, o motorista negou categoricamente ter tocado nas crianças e afirmou que uma sobrinha de 11 anos sempre o acompanha no trabalho. Ele também alegou que nunca esteve sozinho com as duas meninas envolvidas e que todas as crianças eram entregues em suas residências sem atrasos.

Como não houve flagrante, o motorista foi ouvido pela Polícia Civil e liberado. No entanto, o caso continua em investigação para apurar todas as circunstâncias e verificar a veracidade das acusações.

A polícia também orientou os pais das crianças a procurarem o Conselho Tutelar do Município para receberem o devido acompanhamento e apoio diante dessa situação delicada.


Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas