05/06/2023 às 14h31min - Atualizada em 05/06/2023 às 14h31min

Governador Zema promete responsabilidade fiscal em meio a protestos

Romeu Zema enfatiza compromisso com a Lei de Responsabilidade Fiscal

Redação
Foto: Reprodução/Agência Minas

O governador Romeu Zema afirmou que não vai gastar mais do que o Estado pode com servidores.

Ele destacou as dificuldades financeiras do Estado e ressaltou que seguirá a Lei de Responsabilidade Fiscal. Zema afirmou que a Secretaria de Estado de Fazenda avaliará os reajustes possíveis para os servidores, levando em consideração a situação fiscal.

No mesmo dia, servidores da Fhemig entraram em greve reivindicando a revogação de uma resolução que afeta a carga horária para pais e mães de crianças com deficiência. Além disso, servidores da Segurança Pública pedem um reajuste salarial.

No evento da Semana do Meio Ambiente, Zema anunciou o reforço nos equipamentos e programas de fiscalização ambiental em Minas Gerais, incluindo viaturas e drones.

“Nossa Secretaria de Fazenda vai mostrar dados se poderemos ou não dar outros reajustes, então tudo vai depender da lei de responsabilidade fiscal. Eu sou um governador que segue a lei, eu vou fazer o que a lei fala. Hoje nós temos muita dificuldade para fechar as contas e a lei está muito clara: você não pode comprometer um percentual da sua receita corrente líquida com pessoal. Então nós vamos manter o estado ao quadrado, eu não serei um governador irresponsável, gastando acima do que a lei permite”, afirmou Zema.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas