25/04/2023 às 11h44min - Atualizada em 25/04/2023 às 11h44min

Três colaboradores da Usiminas seguem hospitalizados após ocorrência em Alto-Forno

Ocorrência ocorreu na madrugada dessa segunda-feira no setor Alto Forno, a empresa afirma que colaboradores não correm risco de vida.

Redação
Foto: divulgação

Três dos cinco colaboradores da Usiminas que foram atingidos por uma onda de calor no Alto-Forno 3 na madrugada desta segunda-feira (24) continuam hospitalizados no Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga. Segundo nota enviada ao Vale 24 Horas, os colaboradores estão sob cuidados médicos e evoluindo bem, sem risco de morte.

Dois dos funcionários tiveram alta no mesmo dia do incidente e estão em casa se recuperando. A Usiminas informou que todos estavam utilizando os equipamentos de segurança adequados e que foram prontamente atendidos.

A empresa reforçou que está prestando toda a assistência necessária aos colaboradores e investigando as causas da ocorrência. Veja a nota:

“A Usiminas informa que houve uma ocorrência na madrugada dessa segunda-feira, dia 24, envolvendo cinco colaboradores que atuavam no Alto-Forno 3, que foram atingidos por uma onda de calor. Eles estavam utilizando os devidos equipamentos de segurança e foram prontamente atendidos. Dois desses colaboradores tiveram alta no mesmo dia (24), três seguem no Hospital Márcio Cunha, sob cuidados médicos, evoluindo bem, e não estão com a vida em risco. A empresa segue prestando toda assistência aos colaboradores”, disse a empresa.

Ocorrência

Cinco homens sofreram queimaduras após um acidente de trabalho na Usiminas na madrugada desta segunda-feira, dia 24. As informações foram repassadas em primeira mão ao Vale 24 Horas. Os trabalhadores estavam atuando no setor AF-3 quando foram atingidos por uma onda de calor.

De acordo com uma nota enviada pela empresa ao Vale 24 Horas, os colaboradores estavam utilizando equipamentos de segurança e foram prontamente atendidos. A Usiminas ainda afirmou que os trabalhadores não correm risco de vida.

A empresa não deu mais detalhes sobre o ocorrido. Mas, segundo a Usiminas, "eles estavam utilizando os devidos equipamentos de segurança, foram prontamente atendidos e não correm risco de vida”.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas