26/01/2023 às 11h32min - Atualizada em 26/01/2023 às 11h32min

Prefeitura de Ipatinga adquire 21 freezers para as salas de vacina das UBS’s

Equipamento é necessário para o armazenamento adequado de bobinas reutilizáveis guardadas em caixas térmicas

Redação
Foto: Divulgação/PMI

A Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria de Saúde,  recebeu nesta quarta-feira (25) um total de 21 freezers adquiridos para servir às Unidades Básicas de Saúde do município. O equipamento que está sendo entregue às UBS’s é indicado pelo Ministério da Saúde para o armazenamento das bobinas de gelo reutilizáveis acondicionadas em caixas térmicas que guardam ou transportam vacinas.

“Em Ipatinga, atualmente, todas as salas de vacina dispõem de câmaras refrigeradas. E a aquisição dos freezers se faz necessária para que haja o armazenamento seguro do “gelox”, uma vez que estas não atingem a temperatura para o congelamento das bobinas”, explica Cléber de Faria, secretário municipal de Saúde.

A grande maioria das vacinas deriva de ativos biológicos que exigem uma temperatura entre 2ºC e 8ºC, sendo consideradas medicamentos termolábeis. Por isso não devem sofrer alterações durante toda a cadeia do frio.
 
Antes da aquisição dos freezers de armazenamento, as bobinas eram guardadas em geladeiras domésticas. Porém, o município se apressou para concluir a aquisição dos equipamentos e estar alinhado ao que preconiza o Ministério da Saúde e que está disponível no Manual da Rede de Frio, que contempla as recomendações inerentes a todos os níveis desta rede quanto ao recebimento e armazenamento dos produtos.

“Sempre nos preocupamos em estar de acordo com o que é regulamentado pelo Ministério da Saúde, e, por isso, adquirimos os freezers o quanto antes, para que todas as salas de vacina das nossas UBS’S fossem estruturadas de acordo as normativas”,concluiu a diretora do Departamento de Atenção Básica, Elaine Vasconcelos.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas