29/12/2022 às 10h44min - Atualizada em 29/12/2022 às 10h44min

​Prévia do Censo indica que Coronel Fabriciano também tem redução no número de habitantes em relação a 2010

IBGE divulgou dados prévios da coleta realizada neste ano

Redação
Foto: Divulgação/PMCF

Segundo os dados da prévia do Censo Demográfico 2022, divulgada nesta quarta-feira (28) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Pesquisa (IBGE), o município de Coronel Fabriciano-MG tem uma população de 96.621 habitantes, 7.073 a menos do que no último Censo, realizado em 2010. De acordo com dados do IBGE, 78% do processo de coleta já foi concluído no munícipio.

O número é menor que a estimativa feita pelo instituto para o município no ano de 2021, na qual estimou que a população de Coronel Fabriciano fosse 110.709 habitantes. No último Censo Demográfico, realizado em 2010, o município tinha 103.694 habitantes.

A redução deste número pode afetar diretamente no valor recebido pelo município na distribuição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que é feita de acordo com o número de habitantes.

Ainda segundo esta prévia, o Brasil tem agora 207.750.291 habitantes, quase 17 milhões de habitantes a mais do que no último Censo, realizado no ano de 2010.

Prévia dos Dados

Segundo ao IBGE, os dados foram calculados com base nos questionários do Censo 2022 respondidos até o dia 25 de dezembro e utiliza o resultado prévio nos municípios onde a coleta já havia terminado e uma combinação de dados coletados e estimativas para os demais municípios.
O instituto informou que a divulgação tem como objetivo cumprir a lei que determina ao IBGE fornecer, anualmente, o cálculo da população de cada um dos 5.570 municípios do país para o Tribunal de Contas da União (TCU).

Estas informações, que foram entregues ao TCU nesta quarta-feira, serão calcular a distribuição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), feita de acordo com o número de habitantes.


Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas