09/01/2024 às 17h19min - Atualizada em 09/01/2024 às 17h19min

Timóteo investiga morte suspeita de dengue no município

A morte ocorreu nesta terça-feira (9), mas ainda não há confirmação que foi pela doença

Redação
Foto: reprodução/Instagram

Uma jovem de 17 anos, identificada como Maria Elisa Bicalho Lessa, morreu na madrugada desta terça-feira (9), em Timóteo, no Vale do Aço. A causa da morte é suspeita de dengue hemorrágica.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, Maria Elisa foi atendida no dia 6 de janeiro na UPA Geraldo dos Reis Ribeiro. Ela foi medicada e retornou para casa. No entanto, a situação da jovem se agravou e ela precisou ser transferida para o Hospital Márcio Cunha, onde faleceu.

Ainda conforme a nota, não é possível afirmar com precisão se a jovem morreu em decorrência da dengue. A Secretaria de Saúde ainda informou que a Funed, órgão responsável pela investigação de casos de dengue, está realizando exames para confirmar a causa da morte.

O corpo de Maria Elisa está sendo velado na capela do Cemitério Jardim da Saudade, no bairro Santa Maria, em Timóteo. O sepultamento está marcado para esta terça-feira às 17 horas.

Na nota, a Prefeitura de Timóteo também lamentou a morte da jovem e se solidarizou com a família.

A Prefeitura recebeu com consternação a notícia do falecimento de uma moradora de Timóteo. Esta Administração se solidariza com a família dessa moradora e se coloca à disposição para o que for necessário nesse momento de dor.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que a moradora foi atendida no dia 6 de janeiro na UPA Geraldo dos Reis Ribeiro. Ela foi atendida, medicada e liberada com a prescrição de medicações além de orientações para procurar novo atendimento caso a situação se agravasse.

Lamentavelmente nesta terça-feira (9) recebemos a informação que ela veio a óbito no Hospital Márcio Cunha. De acordo com a Secretaria de Saúde neste momento não é possível afirmar com precisão se esse óbito foi resultado da dengue, o que será confirmado após a realização de exames pela Funed, haja vista que o Estado de Minas Gerais é o responsável por esse tipo de investigação.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas