30/11/2023 às 12h49min - Atualizada em 30/11/2023 às 12h49min

Perseguição policial termina com dois jovens presos e motocicleta recuperada em Ipatinga

A perseguição começou após o condutor desrespeitar uma ordem de parada

Redação
Foto: enviada ao Vale 24 Horas

Na noite dessa quarta-feira (29), uma perseguição policial envolvendo uma motocicleta terminou em prisões e um acidente em Ipatinga. A ação ocorreu quando policiais, em patrulhamento pela Avenida Galiléia, avistaram uma motocicleta de cor preta com dois ocupantes em atitude suspeita.

Ao perceberem a presença da viatura, demonstraram nervosismo e fizeram uma manobra brusca, tentando evadir-se. Em alta velocidade, desobedeceram às ordens de parada dadas pela polícia e iniciaram uma perseguição pelas ruas dos bairros Caravelas, Panorama e Canaã, cometendo diversas infrações de trânsito no processo.

Durante a fuga, os suspeitos desrespeitaram paradas obrigatórias, avançaram sinais vermelhos, transitam na contramão de direção e pularam canteiros. A perseguição terminou em um acidente quando os suspeitos tentaram acessar a Rua Eclesiastes e perderam o controle da motocicleta, colidindo com uma calçada alta em frente a um bar.

Com o impacto, eles foram arremessados, atingindo alguns clientes, mesas, cadeiras e garrafas que estavam no estabelecimento. Mesmo após a queda, os suspeitos tentaram evadir-se a pé, resistindo ativamente às tentativas de contenção dos policiais. Foram necessárias técnicas de imobilização para algemá-los.

Durante a investigação, foi constatado que a motocicleta utilizada pelos suspeitos havia sido furtada, conforme relato da vítima, que informou ter deixado o veículo na garagem de seu prédio e, ao retornar, constatou o furto, com o cadeado da garagem aberto. Além disso, os suspeitos não portavam qualquer documentação referente à motocicleta ou outra que comprovasse a origem legal do veículo.

Os dois suspeitos envolvidos no incidente foram encaminhados à Delegacia de Polícia de Ipatinga, onde foram autuados por crimes de furto, disputa de corrida não autorizada, resistência e outros delitos relacionados. Durante o desenrolar dos acontecimentos, ambos sofreram lesões, mas foram atendidos e liberados após avaliação médica.

Ainda conforme os detalhes, os dois suspeitos já possuíam registros policiais anteriores, incluindo crimes contra o patrimônio. 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale com a #Redação
Fale com a #Redação
Encontrou algum erro? Quer fazer uma sugestão de matéria? Fale agora mesmo com a redação do Vale 24 Horas